sábado, 26 de setembro de 2009

GENUFLEXÓRIO.

Genuflexório (Fabio Terra)


Tento, pendo
E eu aqui no genuflexório
Peço, grito
Rezo

Grito, choro
E eu aqui no genuflexório
Rezo, peço
Tento

Tanto peço
E eu aqui no genuflexório
Tento, grito
Pendo

Pendo o grito
E eu aqui no genuflexório
Peço o preço
Rezo

4 comentários:

Felipe da Costa Marques disse...

Parabéns Corvão!
Felicidades Ilustre Poeta e Guitarrista!

Abração!

tenório disse...

Ei Fábio! Sou o Tiago Tenório, que colabora todo dia quinze no Poema Dia. Estou lançando um novo blog, inspirado em iniciativas pioneiras (como a da talentosa Ana Paula Maia), que é um folhetim virtual onde o leitor poderá acompanhar, capítulo a capítulo, meu romance inédito “Garcia vai morrer”, que trata de um cara (o Garcia do título) que descobre que morrerá muito em breve. Agora só o que ele quer entender é: quem teve uma vida medíocre, merece uma morte mais medíocre ainda? Inconformado com o fim que o espera, provavelmente num leito de hospital público, ele vai em busca de um outro desfecho, talvez mais grandioso. E este é um convite que faço para que visite o espaço, repare se gosta de alguma coisa, deixe seus comentários, me ajude a descobrir se o texto vale alguma coisa ou não. Se você chegou até aqui, agradeço demais a atenção dispensada e até breve. Evoé!

garciavaimorrer.wordpress.com/

Primeira Pessoa disse...

fábio, adorei o seu blog.
voltarei sempre, virou parada obrigatória.
grande abraço do
roberto lima.

Patty disse...

Nossa!!! Amei!!! eu também sou escritora, tanto de poemas como da fanfic Sol Poente, mas realmente achei que você deveria investir mais ainda nisto, porque você tem talento. Queria poder publicar seus poemas, e promover seu blog no meu. Por favor, responda o mais rápido possível!!! meu blog é o


www.pattypontocom.blogspot.com


Obrigada pela atenção!!!


BJS caramelados,

Patty